Loja Oscar Freire

Loja Rappi

Lojas parceiras

Desinblog

Desinchef

E-books

Cursos

Quem somos

Trabalhe Conosco

Sono polifásico: como funciona e quais são os benefícios?

Você já sentiu cansaço ao acordar, como se as horas dormidas durante a noite não fossem suficientes para deixar o corpo renovado? Se sua resposta foi sim, saiba que muitas pessoas passam pela mesma situação. Uma alternativa para tentar descansar melhor é aderir ao sono polifásico.

Mas você sabe o que ele significa? Como o próprio nome já sugere, o sono polifásico é dividido em várias etapas e tem adeptos há séculos, como Leonardo da Vinci, Winston Churchill e Nikola Tesla.

Quer saber como esse método funciona e quais são seus impactos positivos no dia a dia? Continue a leitura e confira!

Como funciona o sono polifásico

O sono polifásico consiste em fracionar as horas de sono durante o dia. Ou seja, se você dormiria 8 horas durante a noite, vai dividir esse tempo em períodos menores, durante o dia e a noite.

Com o passar do tempo, contudo, quem pratica diz que a necessidade de horas totais dormidas diminui, já que o corpo descansa mais.

A técnica é defendida por muitas pessoas com base no seguinte contexto. No sono convencional, ou seja, monofásico, a fase mais reparadora é a R.E.M (Rapid Eye Movement, ou “Movimento Rápido dos Olhos” em tradução livre), onde ocorre a maior parte dos sonhos e intensa atividade cerebral

Ao mesmo tempo, o corpo fica imóvel, a fim de evitar o gasto energético e descansar.

Os defensores da técnica polifásica afirmam que ao dividir o sono, a fase R.E.M é atingida mais facilmente, já que o organismo vai direto para ela como forma de defesa, fazendo o corpo descansar mais. Com isso, você não fica por muito tempo nas fases NREM (Non-rapid eye movement, ou “Sono sem movimento rápido dos olhos” em tradução livre), que não trazem a sensação de descanso profundo.

Benefícios do sono polifásico

Os adeptos do sono polifásico garantem que ele traz uma maior sensação de descanso em menos horas dormidas no total, o que ajuda muito a deixar o dia mais produtivo, já que sobra tempo para outras atividades.

Mas há, ainda, outras vantagens elencadas por eles que você pode conferir a seguir:

Mais foco e concentração

Justamente por entrar mais vezes na fase mais profunda do sono, os defensores do sono polifásico relatam melhora do foco e da concentração.

Apesar da quantidade de horas dormidas reduzidas, acreditam que a qualidade do sono é melhor e mais reparadora comparada ao sono monofásico.

Oportunidade de aproveitar seus momentos de mais produtividade

É comum encontrar pessoas com características notívagas, ou seja, que produzem mais e melhor durante a noite. Por convenção, esse é o período em que a maioria das pessoas descansa. 

Na técnica polifásica, você pode tirar pequenos cochilos durante todo o dia. Isso permite aproveitar um pouco de todos os horários, inclusive os da noite e da madrugada, se preferir.

Tire suas dúvidas quanto ao sono polifásico

Gostou da técnica, mas ainda ficou com algumas dúvidas? É comum que esse assunto cause curiosidade. Veja algumas questões que podem aparecer na hora de se aprofundar sobre o tema:

Como começar a praticar o sono polifásico?

É importante saber que não é indicado começar a praticar o sono polifásico de uma hora para outra, tirando cochilos ao longo do dia. Antes disso, é essencial entender que há algumas formas de dividir o sono.

Você pode começar com o tipo Everyman, que consiste em dormir 3 horas seguidas e repartir o restante do sono em sonecas de 20 minutos, divididas igualmente ao longo do dia. Essa técnica é uma preparação para o Uberman, que consiste em tirar 6 cochilos de 20 minutos durante o dia, espaçados da mesma forma.

Também há o método Dymaxion, onde o praticante tira cochilos de 30 minutos de 6 em 6 horas.

Qualquer pessoa pode fazer o sono polifásico?

O sono polifásico é indicado para adultos e deve ser evitado por crianças e adolescentes. É importante ressaltar que esse é um estilo de vida com o qual algumas pessoas se identificam e relatam boas experiências, mas quem prefere e é adepto do sono monofásico pode continuar mantendo a rotina de sono convencional.

O sono polifásico pode ser uma técnica interessante para fases da vida em que você tenha que produzir mais, como períodos de estudos para provas ou na hora de desenvolver um projeto longo para o trabalho. E você, já tentou ou gostaria de tentar essa prática?
Se você gostou de saber mais sobre o sono polifásico, não deixe de compartilhar esse post em suas redes sociais com seus amigos!

0 0 vote
Article Rating
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments